Arquivo mensal: maio 2012

A importância do estágio para a vida profissional

Quando eu era estagiária, não via a hora de ser uma funcionária efetiva. Hoje, sinto saudades da época de ser estagiária…rs. Ou melhor, gostaria de ser estagiária hoje, em 2012, do que em 2002.

Na minha época (e quando começamos uma frase assim já denunciamos a idade, hahahaha) ser estagiário significava ser um funcionário com custo baixo. A legislação era muito fraca e não havia, por parte das empresas, uma preocupação muito grande com a formação profissional de seus estagiários. E olha que estagiei em uma grande multinacional, e nem lá havia um aparato para apoiar os estagiários. Total absurdo.

Mas os tempos mudaram, e o que percebo hoje, convivendo com essa galera 100% geração Y (eu devo ser só uns 70%…rs), é a mudança de postura dos próprios estagiários em relação à profissão escolhida e as possibilidades de atuação.

Por exemplo, conheci um estagiário na última empresa em que trabalhei, que não se sentiu nem um pouco constrangido em pedir seu desligamento depois de 4 meses de estágio. Ele estava saindo porque havia encontrado outra oportunidade que tinha muito mais a ver com os objetivos profissionais dele. E quem pode condenar essa atitude? Fico muito feliz em ver jovens como esses, que não têm medo de ousar, e arriscam-se para o novo.

Para quem ainda está na Universidade, deixo esse recado: façam estágio!! Precisando ou não da bolsa-auxílio, arrisquem-se, experimentem. Essa é a melhor fase da vida profissional para testar as suas possibilidades na carreira escolhida, sem medo de errar. Vocês terão a possibilidade de conhecer diferentes pessoas, empresas, culturas e processos, e isso será muito enriquecedor no futuro.

Pensem nisso!!!

%d blogueiros gostam disto: